Petiscos em rota de duas semanas por 27 casas

Petiscos em rota de duas semanas por 27 casas

A terceira edição da Rota do Pitéu, iniciativa da Câmara Municipal de Setúbal para promover o setor da restauração, decorre entre 9 e 24 de julho com a participação de quase três dezenas de estabelecimentos especializados em petiscos.

Durante três semanas, um total de 27 tascas, tabernas, petisqueiras e marisqueiras do concelho de Setúbal apresenta propostas típicas ou inovadoras de petiscos baseados em produtos tradicionais da região, com um valor fixo de 3,5 euros.

A lista da oferta desta rota gastronómica, na qual o peixe e o choco não podiam faltar, inclui especialidades como sardinha com vinagrete, mexilhão, atum, ovas, pataniscas, rissóis e empadas de choco, pastéis de bacalhau e cavala em escabeche.

Um prego especial de carne de vaca, molho de mostarda e mel, queijo, fiambre e ovo estrelado em bolo do caco, no Arrábid’In! Mar, pastéis de bacalhau caseiros, na Taberna do Fernando do Jornais, e moelas, no Café Restaurante Arco Íris, são propostas que podem ser encontradas na zona da Fonte Nova, Bairro do Troino.

Ainda no Troino, há lombinho no pão com queijo de Azeitão, da Tasca do Galo, e codorniz com molho bárbaro, do Bardo Taberna Medieval, enquanto a poucas centenas de metros, defronte dos jardins do Convento de Jesus, o Arroba Check.In propõe uma bruschetta portuguesa de petingas ou sardinhas em azeite de oliveira, ou de sardinhas em azeite de oliveira e piripiri.

Bifana com molho de moscatel, do Moscatel de Setúbal Experience, e torricado de sardinha com vinagrete de moscatel, do By Álvaro Santos, são opções na zona da Praça de Bocage, ao passo que tapa experience, petisco com cogumelo recheado com mozarela e bacon perfumado com trufa, do Beco da Ribeira, e montadito lateiro de atum, do Lateiro, e cavala em escabeche, da Taberna do Largo, podem ser degustados no Largo da Ribeira Velha.

Na Avenida Luísa Todi há pitéu de choco, composto por paté, patanisca e empada de choco, tostas e molho de choco, da Tasca do Choco, presa ibérica de porco preto em bolo do caco com cobertura de cebola roxa caramelizada, do Tapas na Baixa, croquetes de choco, da 490 Taberna STB, pimentos padrón assados acompanhados com mel regional e flor de sal, da Petisqueira do Manel, e caçarola de mexilhão à “marinière”, do Chez Nando.

O Ora H, junto da docapesca, propõe ovas de choco, e o Terraço do Mercado, no primeiro piso do Mercado do Livramento, tem pica-pau.

Mais afastados do centro, no Viso é possível degustar cuscuz com camarão, laranja e moscatel, na Porta 165, no Bairro Salgado há bruschetta portuguesa, na Tostaria do Bairro, na Urbisado é servido pica-pau de choco frito, no Florida Cervejaria, e na Quinta dos Bonecos a proposta é bifana rota, petisco com carne em molho de cerveja, queijo, ovo, bacon e batatas fritas artesanais, no Skál Artesanal.

No Bairro Santos Nicolau, gambas cozidas com molho de maionese de alho é a proposta do Pinga Amor Marisqueira, enquanto, no Vale do Cobro, ovos rotos à setubalense são a aposta da Tas’ka Moka e, em Azeitão, a Petisqueira Brandão sugere salada de ovas e a Casa Janica e o Café Rossio caracóis.

Consulte todos os estabelecimentos aderentes e os respetivos petiscos em : https://www.mun-setubal.pt/wp-content/uploads/2022/06/RotaPiteu2022-ProgramaCompleto.pdf